Breaking News

MP Suíço aponta R$ 121 milhões em contas de operador do PSDB



As 4 contas no banco Bordier & Cie, na Genebra (Suíça), teriam sido abertas em 24 de maio de 2007, 43 dias após Paulo Preto, apontado como operador do PSDB, ter sido nomeado diretor de engenharia da Dersa (empresa responsável por obras rodoviárias em São Paulo), no governo de José Serra.


4 contas na Suíça com R$ 121 milhões de reais. Isso sim é prova inquestionável. Mas o dinheiro só foi descoberto porque o Ministério Público DA SUÍÇA investigou e chamou atenção do Ministério Público brasileiro.

Paulo Preto é apontado como operador de políticos do PSDB (um dos partidos mais investigados na Lava Jato mas que não tem nenhum político preso - nem Aécio!). Paulo assumiu cargos apadrinhado por José Serra, Geraldo Alckmin e Aloysio Nunes Ferreira.

Paulo Preto é um velho conhecido das autoridades policiais (brasileiras e até suíças!), mas a Policia Federal só resolveu prender ele e dar seguimento nas investigações no dia em que toda a atenção da mídia e dos brasileiros estava voltada para a decretação da prisão de Lula. Por que será?

--

Fonte: "Suíça aponta depósitos numerosos em contas de Paulo Preto na gestão Serra" / Folha de São Paulo (https://bit.ly/2rpcvcX)

Nenhum comentário